Oferecimento

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostra que Boituva (SP) está entre as 20 cidades do estado de São Paulo que mais criaram vagas de emprego este ano. Segundo um ranking divulgado recentemente pelo órgão, o município está na 17ª posição por criar 1.058 vagas até maio deste ano.

Segundo especialistas, a melhora no mercado de trabalho, principalmente no interior de São Paulo, é notada em empresas que estão investindo mais na contratação de pessoal. Rodrigo de Lima Silva, por exemplo, é diretor de uma empresa que oferece serviços de limpeza e portaria. Ele conta que no primeiro semestre a procura por serviços aumentou. Por isso, 20 pessoas já foram contratadas e, por enquanto, ninguém foi demitido.

“Estávamos preocupados em como seria este ano, porém, já no primeiro semestre percebemos que houve uma melhora no cenário de maneira geral. A economia tem dado bons sinais de melhora e isso nos impactou de maneira positiva, pois vemos as empresas contratando e investindo”, afirma Silva.

O empresário Thiago Gonçalves afirma que este ano os negócios estão melhores. Ele é proprietário de uma empresa há 19 anos e afirma que desde janeiro já contratou 24 novos funcionários.

“É uma contratação pensada. Prevemos um crescimento histórico e agora estamos contratando para começar a estocar para atender todos os clientes”, explica.

Em entrevista para TV TEM, afiliada da TV Globo na região, o diretor de desenvolvimento econômico de Boituva, João de Campos Júnior, citou que na Unidade de Atendimento ao Trabalhador (PAT) da cidade são atendidas 150 pessoas diariamente.

“No nosso atendimento, apontamos as vagas que estão disponíveis no mercado e orientamos para que ela conquiste aquela vaga. Então, aqui as pessoas se sentem acolhidas. Estamos também junto com indústrias e empresas, com o intuito de mostrar o perfil de pessoas que atendemos para que elas contratem essas pessoas”, explica Júnior.

O PAT de Boituva está localizado na rua Expedicionário Boituvense, 2, no Centro e está com 27 vagas em aberto para:

  • Auxiliar de produção (cinco vagas);
  • Ferramenteiro (cinco vagas);
  • Programador de PCP (três vagas);
  • Torneiro Mecânico (três vagas);
  • Costureira (seis vagas);
  • Cozinheira (uma vaga);
  • Auxiliar de manutenção (duas vagas);
  • Técnico de manutenção, mecânico e elétrico (duas vagas).

Via G1